Relacionamentos de longa duração, como o casamento, são descritos como maravilhosos no início e tediosos com o passar do tempo. Claro que isso não é uma regra. Pode começar muito ruim e ficar legal com o tempo, ser bom desde sempre e permanecer assim ou ser péssimo e continuar horrível até a separação – isso soou um tanto dramático, mas a gente sabe que existe. Para todos os casos, sempre há maneiras de melhorar o que não está muito bom ou tornar o que está ótimo em algo ainda melhor. Por isso, dicas para apimentar o casamento são sempre bem-vindas!

Veja cinco dicas para apimentar o casamento e deixar o sexo mais gostoso:

1 – Invista em fetiches

Há uma infinidade de fetiches disponíveis para quem deseja apimentar a relação, como a prática do sadomasoquismo, fantasias eróticas, dogging, gang bang, entre outras. Algumas exigem um pouco mais de liberdade sexual, outras podem ser praticadas apenas pelo casal, a dois. Caso não seja adepta das ousadias, quem sabe umas lingeries diferentes turbinem o desejo da(o) parceira(o) e desperte sua vontade de transar? Homens e mulheres podem apostar em roupas íntimas mais caprichadas!

Leia também:  Descubra quais os maiores fetiches femininos

Só não se esqueça de algo muito importante: jamais force seu(a) parceiro(a) a fazer algo que ele(a) não queira. Se houver discordância, conversem até chegar em um consenso. A felicidade da relação depende da felicidade de cada um.

2 – Experimente novas posições sexuais

Papai e mamãe é a posição mais praticada pelos casais, principalmente pelos casados. Ela pode continuar na sua lista de posições preferidas, mas talvez seja a hora de variar um pouquinho. A dica é assistir algum filme mais picante juntos para se inspirar ou comprar o Kama Sutra para ter algumas ideias. Algumas são bem complexas e difíceis de colocar em prática, mas há outras mais tranquilas de fazer e que podem proporcionar um tesão em níveis desconhecidos por vocês. Vale a pena experimentar!

3 – Use e abuse dos brinquedos eróticos

Os brinquedos eróticos não devem fazer parte apenas da realidade dos solteiros. Casados também podem tirar proveito dessas preciosidades durante as preliminares ou enquanto transam. O anel peniano, por exemplo, pode aumentar o tamanho do pênis e manter a ereção por mais tempo.

Sempre indico esse brinquedinho, porque ele turbina a transa do casal, ou seja, garante mais tesão para homens e mulheres. No caso delas, a estimulação é feita diretamente no clitóris, aumentando o prazer durante a penetração.

Sexlog Banner

4 – Marque uma viagem a dois

Já aviso que viagens não salvam casamentos ou qualquer outro tipo de relação. Se não houver amor, desejo sexual e vontade de estar junto pode até ter efeito contrário. Caso exista tudo isso ou apenas um/dois dos itens listados, escolha um lugar novo que ambos têm vontade de conhecer ou um local que tenha significado para o casal. Reacender algumas lembranças, íntimas ou não, pode despertar o tesão escondido dentro de vocês.

Leia também:  Vagina esfolada: quais cuidados tomar

Lugares românticos fazem a cabeça de muitos casais, mas há aqueles que preferem algo mais ousado. Que tal visitar uma cidade diferente e aproveitar para conhecer o melhor motel da região? É uma boa opção para sair da rotina e curtir um ambiente que estimula a sensualidade.

5 – Abra o relacionamento

Assim como as viagens a dois, a abertura de uma relação não garante a felicidade do casal. Em alguns casos, pode até culminar no fim definitivo. No entanto, se existir um desejo mútuo de experimentar algo novo e houver muita confiança de ambos os lados, a liberdade sexual pode ser um degrau interessante a ser explorado.

Antes de começar, vale a pena debater sobre o que o casal está disposto a fazer. É neste momento que o swing ou ménage à trois podem aparecer como opções. Se os dois estiverem a fim, a prática do sexo grupal certamente proporcionará momentos de prazer sem arrependimentos.