Somos casados a 28 anos e sexo sempre toma conta da minha mente e meu tempo, e tento fazer com que para ela também seja assim. No entanto ela dizia não gostar muito e não sentir tanto prazer, não saber dar prazer… Então tornou-se uma obsessão mostrar pra ela que ela sentia muito prazer sim é era gostosa na cama.
Depois de muito tempo tentando convenci ela a sairmos com um amigo do Sexlog.  Selecionei alguns e coincidentemente ela escolheu o mesmo com quem eu havia falado. Bom sinal!
Na data combinada ela se preparou toda, mesmo com medo estava decidida, fomos conhecer nosso escolhido. Ela ficou no carro e eu fui em uma lanchonete, falei com o amigo e fomos até o carro, dali para o motel.
Ele foi ótimo! Já deu um amasso logo no estacionamento do motel. Fomos para o quarto e eu participei no início, eu e ele demos uns amassos nela. Então fiquei assistindo e deixei com ele. Depois de um sexo oral nela, ele a comeu em pé por trás e ali ela já se entregou ao prazer. Foi uma transa longa e prazerosa.
Ele a comeu por trás, ela cavalgou, deitou sobre ele e teve vários pequenos orgasmos gemendo baixinho, de prazer. Depois ele a pegou na posição frango assado e novamente ela gozou várias vezes baixinho. Mas ela queria mais e ela esticou suas pernas e ele a penetrou deitado sobre ela. Dessa vez ela não aguentou e gozou muito intensamente, quase perdendo o fôlego e gemeu alto e lindamente. Eu sei que ela adorou a transa.
O amigo foi carinhoso, potente e tinha um pênis bem maior e mais grosso que o meu, isso ajudou muito. Ela admitiu que foi muito bom e já topou outras experiências. Posso dizer que sou muito feliz com ela, a amo e fiquei satisfeito em ver ela sentindo tanto prazer.

Leia também:  Contos eróticos: Presente de Natal adiantado

Enviado por Niveapeeu46